O que é roteiro literário?

O que é roteiro literário?

O roteiro literário é a base utilizada por produtores de um material audiovisual para seguir a história concebida por um escritor, criando ganchos certos para a produção.

 

Assim como cenários, características de personagens, mudança de ambientes, dentre outras questões.

 

E como se o texto original, que costumamos a ver em livros que contam histórias de personagens que trabalham com produto de limpeza pesada, fosse lapidado e transformado em algo que possa facilitar o trabalho organização para criação de um vídeo.

 

Por isso, saber concretizar esse tipo de roteiro, é essencial, assim como é importante realizar a produção do literário.

 

Visto que envolve algumas algumas dicas de escrita e também de pesquisa para construção da história e dos personagens de busdoor com back busdoor.

 

Portanto, no artigo a seguir vamos entender um pouco mais sobre como realizar essa escrita, entendendo o que compõe um roteiro literário e um técnico, e como eles podem ser usados.

O que é um roteiro literário?

Se você já leu um livro, entender o que é um roteiro literário fica muito mais fácil. 

 

Provavelmente, você já esteve a par de uma história interessante dentro de uma leitura, onde os personagens e o próprio contexto se tornaram praticamente viciantes. Essa é a mesma função de um roteiro literário. 

 

O escritor se propôs a contar uma história, e sem ter que se ater a percalços quanto às questões que fazem um roteiro de uma produção cinematográfica, como o pensamento sobre uma cena, personagens e ambientação.

 

O bom de tudo isso é que quem está escrevendo pode ter uma liberdade gigantesca para contar sua história a partir daquilo que deseja, sem nenhuma limitação que muitas vezes é solicitada em trabalhos de audiovisual, onde um roteiro é concretizado.

 

O foco então é deixar a história cada vez mais envolvente, cheia de detalhes e gatilhos que fazem aquele leitor se afundar nessa imaginação e só sair quando estiver terminando a leitura, o que promete uma potência nessa obra para que ela possa ser concretizada.

Qual a diferença de um roteiro literário para um técnico?

No caso de um roteiro técnico, a principal diferença de um literário é a forma como ele é transformado para que possa ser utilizado dentro de uma produção. 

 

Sendo assim, neste momento não são apenas textos e histórias, mas a concepção de um ambiente.

 

Por exemplo, dentro desse material é comum que existam características e pontos sobre:

 

  • Cenário;

  • Personagens;

  • Efeitos;

  • Mudança de voz;

  • Presença de cortes.

 

Tudo é relacionado ao desenvolvimento posterior por um diretor ou uma equipe de produção, que vai utilizar todas essas direções para criar um material audiovisual.

Como começar a desenvolver um roteiro literário?

Nas dicas a seguir, vamos te ensinar a colocar em prática a escrita de um roteiro literário, essencial para que você possa imprimir em uma impressora colorida profissional e vender para uma produtora e quem sabe transformar em uma peça audiovisual:

  1. Tire suas ideias do papel

Para início de conversa, é importante que você faça uma retirada das suas ideias, da cabeça para o papel. 

 

Muitas vezes imaginamos muitas possibilidades de histórias, e estamos cheios de criatividade, mas perder tudo isso é fácil durante o dia a dia.

 

Por isso, crie o hábito de anotar ou escrever sempre que tiver uma ideia interessante, de modo a unificar tudo aquilo que é importante dentro de uma história que ainda será construída. 

 

Nessa fase inicial o melhor é colher tudo o que puder para seu roteiro.

  1. Faça um desenvolvimento por meio da pesquisa

Com o material de suas ideias colhido, é o momento de entrar em prática desenvolvendo tudo o que você tem. 

Se sua ideia é contar a história de um dono de uma estampagem, é importante saber que elementos colocar dentro da história, o que vai envolver pesquisa.

 

Procure em livros e na internet tudo o que possa ter a ver com vivência de sua história e seus personagens, em uma forma não apenas de colher materiais importantes para a ideia principal, mas também para evitar colocar histórias errôneas dentro da composição.

  1. Defina o conflito que vai envolver sua história

Qualquer história tem como princípio algum tipo de conflito, seja ele envolvendo os personagens, envolvendo toda a esfera onde estes estão presentes.

 

Assim como um problema que surge ao longo da escrita, igualmente a todas as outras possibilidades.

 

O ideal é que você defina esse ponto para que seja mais fácil de estabelecer a história por completo. 

 

Isso vai fazer com que você desenvolva a raiz de uma questão, e a partir daí construa seus acabamentos, que no caso são as histórias que compõem o roteiro. 

  1. Foque na construção de personagens

Os personagens da sua história vão ser os ganchos condutores do conflito principal, e até mesmo dos secundários. 

 

Além disso, são eles que vão ter um contato maior com os sentimentos do público, o que coloca o trabalho da concepção desses perfis em relevância.

 

Comece em seu caderno personalizado aniversario colocando cada uma de suas características, suas essências e principalmente sua relação com a história, sempre lembrando de fazer uma construção interessante e inovadora para o público leitor.

  1. Pense na diferenciação de sua obra

Toda obra, seja ela literária ou um roteiro de um filme possui uma diferenciação dos outros, não é a toa que temos em streamings um catálogo diverso de produções, cada uma com um fio condutor e um problema que torna a obra relevante para ser executada.

 

Por isso, sempre que começar sua escrita e determinar a condição da história pense em como ela será observada pelo público de maneira inédita, pensando em cenários, contextos e até mesmo personagens que agreguem algo de novo e por vezes inusitado para atenção.

  1. Entenda não apenas os personagens, mas os cenários

Os cenários da trama a ser escrita no roteiro literário são essenciais para compor a história, tanto quanto os personagens determinados. 

 

Por isso, pense sempre em detalhes que podem ser incluídos na sua escrita, fazendo com que a imaginação voe para quem lê.

 

É importante considerar esse elemento justamente para o caso da execução em um audiovisual. 

 

Lembre-se que posteriormente as equipes vão precisar colocar toda e história em prática, e escrever o que for necessário para isso facilita o seu trabalho e o deles.

  1. Coloque a escrita em prática constantemente

Para escrever um roteiro ou qualquer tipo de material literário, é preciso trabalhar a escrita, sem mais delongas. 

 

Tenha sempre em mente que escrever em cartao de visita de manicure, textos grandes ou pequenos, deve se tornar um costume para você.

 

Uma boa forma de fazer isso é estabelecer um horário próprio para escrita por dia ou pelo menos um tempo onde você possa se concentrar em começar a constituição do plano da história, algo que foi sendo pautado de acordo com as dicas anteriores mostradas acima.

  1. Leia e se informe ao máximo

Assim como a pesquisa para a concepção da ideia é interessante para a viabilização de um roteiro literário, a pesquisa é essencial para fazer com que seu texto tome forma.

 

Afinal, nem sempre sua criatividade e imaginação poderão escrever sozinhas uma história.

  1. Faça uma revisão detalhada

A revisão de um texto, independente de qual for ele, é essencial para que o escritor encontre erros, corrija partes e possa enfim encontrar uma solução para algo que não estava 100% interessante no momento da primeira escrita, o que é bem comum.

 

Procure fazer essa visualização quando tudo já estiver bem escrito esse texto já esteja fechado com adesivo cola para piso vinilico

 

Assim, você vai evitar retrabalhos pontuais e contínuos, que podem atrapalhar o tempo destinado à entrega do seu material.

  1. Apresente sua ideia para outras pessoas

É sempre importante considerar outras opiniões em cima de sua obra.

 

Visto que nem sempre você vai ser capaz de pensar em algo que pode estar errado ou que pode melhorar, justamente por acabar a escrita com uma vista e um pensamento totalmente cansado.

 

Por isso, veja em flyer de divulgacao o trabalho de consultores ou revisores ou até mesmo chame algum editor que seja seu amigo ou conhecido para tentar olhar o material de um viés diferenciado. Isso pode trazer soluções interessantes para sua entrega final.

Considerações finais

O roteiro literário é a base de um roteiro técnico, utilizado pela produção de um produto audiovisual.

 

De modo que o trabalho final seja cada vez mais próximo com aquele que foi formulado anteriormente pelo escritor da obra.

 

Entretanto, para isso, é essencial saber conceber um roteiro literário, entendendo o que o faz ser um diferencial dentre as tantas opções de histórias no mercado.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.