O que é calendário editorial?

O que é calendário editorial?

O calendário editorial é o melhor amigo dos comunicadores e produtores de conteúdo, pois além de mostrar uma série de pautas e datas comemorativas que podem ser utilizadas em postagens, funciona como um cronograma para auxiliar esses profissionais.

 

De modo geral, podemos dizer que este calendário, diferente dos convencionais, consegue mostrar de forma prática e editável todo o conteúdo pautado, a ser produzido e publicado dentro de um período.

Por exemplo, em agências de publicidade, o calendário editorial ajuda os produtores de conteúdo a entenderem suas demandas de publicações, os designers a saberem suas prioridades de produção de artes, e até mesmo o social media a postar corretamente.

Já no contexto de uma empresa de geometria alinhamento e balanceamento, um bom calendário pode proporcionar um entendimento de datas de comunicação com o cliente.

Dessa forma, podemos dizer que mais do que um grande organizador e agregador, o calendário editorial se mostra sem dúvidas como um guia para o trabalho a ser realizado, com o mínimo de erros.

No artigo de hoje, entenda sobre o que é esse recurso, como ele vem auxiliando profissionais de comunicação em suas demandas diárias, e de que forma você pode elaborar seu calendário para as postagens de seu negócio de sistema de alarme para loja.

Calendário editorial: entenda o conceito

O calendário editorial pode ser descrito como uma organização periódica de conteúdos a serem utilizados dentro de uma empresa, em especial naquelas que trabalham com produção e postagens de comunicações em sites, blogs e redes sociais.

Essa delimitação de postagens, organizada em dias e constatando as estratégias e conteúdos, são o produto de um planejamento feito especialmente para um tipo de negócio ou público.

Assim, para as redes sociais de uma empresa de manutenção em cabine primária, o calendário editorial traz como datas para postagens de conteúdos aquelas que melhor se adequa com o que o negócio entrega ao seu público, como o caso de:

  • Explicações sobre produtos e serviços;

  • Datas comemorativas do setor;

  • Informações sobre a empresa;

  • Participação de funcionários;

  • Integração entre parceiros.

Para tanto conteúdo, nada melhor do que uma boa organização, sendo isso exatamente o que o calendário editorial agrega com a máxima dedicação e visualização.

Sobre esse último item, é importante sabermos que a comunicação visual é um dos pontos mais interessantes, pois de fato consegue alinhar os produtores de conteúdo e profissionais que ficam encarregados de postar e fazerem uma boa divulgação dos materiais.

A construção e a adequação de conteúdos e até mesmo das datas comemorativas são um trabalho geralmente feito por um social media ou por uma agência especializada.

Esse se mostra como o profissional ideal para esse serviço, justamente por conhecer o que pode ou não fazer parte dos conteúdos de uma empresa de higienização interna automotiva, mantendo sempre o foco editorial para que as informações tenham sentido.

Assim, é preciso colocar no planejamento de postagem nas redes sociais tudo o que tenha contexto para aquele público, e que possa afetá-lo positivamente de alguma forma.

Caso contrário, neste exemplo anterior, o cliente interessado por serviços de higienização de carros poderia entrar em contato com produtoras que seriam de um outro nicho, como beleza, moda e meio ambiente, não fazendo sentido algum para a audiência de seguidores.

Então, o calendário editorial tem ampla funcionalidade para uma empresa e em meio a uma equipe capacitada de conteúdos, guiando não apenas uma unidade na comunicação, mas também facilitando os trabalhos diários dos profissionais que estão à frente do marketing.

Quais são as vantagens desse planejamento?

Até aqui, você entendeu o que é um calendário editorial e de que forma ele pode ser utilizado por equipes de comunicação em seus trabalhos cujo foco é um cliente nas redes sociais e outros canais, como o caso de uma empresa de serviços de pintura predial.

Assim, a primeira vantagem que esse uso agrega é justamente a adequação dessas divulgações que devem ou não fazer parte de uma linha editorial a ser trabalhada.

Sem a incorporação dessas informações, torna-se um pouco mais difícil projetar uma unidade nas redes sociais.

Sendo necessário colocar em prática os objetivos que a empresa tem naquele momento, como atingir mais clientes pelas plataformas online, criar um valor de marca ou ainda aumentar o engajamento.

Em outro sentido e igualmente necessário, o calendário editorial traz às equipes responsáveis pelos conteúdos de uma companhia a conexão com os trabalhos diários.

Por exemplo, com esse editorial em mãos, é possível que um social media saiba exatamente os conteúdos que já foram postados, e até aqueles que ainda precisam ser organizados para postagem, seja de forma manual ou até mesmo por meio de ferramentas.

Falando em ferramentas, uma das principais a serem utilizadas para esse serviço são aquelas relacionadas a postagens automáticas, que fazem um trabalho que seria manualmente realizado por um produtor de conteúdo de um negócio de Guarda corpo de alumínio branco.

Com essa organização, é possível entender quais são aqueles que foram automatizados para postagem, colocando o dia e a data correta, e inserir no calendário aqueles que ainda não foram.

De certa forma, essa organização agrega muito mais produtividade às equipes responsáveis pela comunicação, pois traz em uma boa visualização todo o conteúdo que foi produzido, identificando falhas ou ainda possíveis lacunas nos canais da organização.

Outro ponto, e não menos importante, é a congruência da produção feita pelos designers e afins para uma empresa de relogio de ponto simples, já que este se baseia em um editorial.

No caso de empresas, que têm suas redes e canais de comunicação administrados por um social media, o calendário consegue indicar uma visão geral, por exemplo, de um mês de conteúdos, onde as pautas e assuntos mostrados são organizados proporcionalmente.

Porém, mais do que isso, por meio desta visualização é possível entender o quanto uma postagem faz sentido ou não dentro de uma rede social em relação ao editorial da marca.

De que forma elaborá-lo?

Agora que você já sabe mais sobre as vantagens e o próprio significado de um calendário editorial para os canais de comunicação de uma fábrica de venda de letra caixa com led, a seguir, entenda de forma prática como começar a montar essa organização:

1. Delimitação do assunto

Delimitar o assunto é o primeiro passo para a construção de um bom calendário editorial. Para isso, o ideal é conhecer bem o assunto ou a empresa que será trabalhada pela equipe de comunicação, para que tudo o que a envolve seja incluído.

Nesse ponto, é essencial entrar em contato com as preferências da companhia, sobretudo com o setor de comunicação, que certamente vai dar bons norteamentos.

2. Entendimento do público

O público é tão importante quanto a empresa, pois é ele quem vai de fato consumir a produção dos conteúdos que serão organizados em um calendário editorial.

Com o tema em mãos e a delimitação vinda a partir do conhecimento da organização, o próximo passo é agregar tudo o que será necessário para fazer com que a audiência tenha a atenção atraída e possa ser impactada positivamente com o que será oferecido. 

3. Levantamento das principais datas

Outra parte fundamental para a projeção de um calendário editorial é a pesquisa de datas importantes para a empresa e para os clientes. 

Dentre as principais estão aquelas relacionadas a dias importantes para o mercado, como Natal, Ano Novo, Páscoa, Carnaval, Dia das Mães, Dia das Crianças, e assim em diante.

Depois de analisar tais critérios, é essencial colocar as datas visíveis no calendário, sempre pensando em maneiras de conteúdos que possam ter a ver com a empresa.

4. Planejamento de pautas e conteúdos

As pautas e os conteúdos que serão produzidos para os canais do negócio serão trazidos por um planejamento e, se confirmados pelas frentes que cuidam da comunicação, podem ser incorporados ao calendário, para mostrar tudo o que será postado ou produzido.

5. Fazer uma organização visual

Por fim, podemos dizer que a organização visual faz parte de uma forma essencial para concretizar um calendário. Afinal, sem um entendimento por aqueles que vão utilizá-lo, esse editorial acaba não tendo uma boa funcionalidade de projeção.

Escolha formatos, ferramentas e até concepções visuais que sejam adequadas e consigam informar e fazer com que conteúdos sejam localizados.

Considerações finais 

O calendário editorial é um dos principais auxílios de produtores de conteúdo, porque além de organizarem todas as pautas e datas necessárias dentro de uma empresa, facilitam a postagem a agendamento por profissionais responsáveis, como os social medias.

De maneira geral, esse recurso disponibiliza uma continuidade de conteúdos que sejam adequados dentro de uma estratégia ou um tipo de conteúdo ou assunto que é o foco em uma plataforma.
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.